sexta-feira, outubro 26, 2007

5 coisas para dizer a seus estudantes e uma a Mindy McAdams

Melinda (Mindy) MacAdams (University of Florida) fez uma palestra ontem para a seção estudantil da Society for Professional Journalists. Em uma postagem no TOJ, ela sintetiza a essência do que disse: o futuro está no online; é preciso ter mais do que somente capacitação em produção de texto para ser um jornalista.
Partido dessa premissa, Mindy elenca cinco conselhos a estudantes de jornalismo:
1. Você não precisar ser um programador, mas você tem que possuir mais do que uma qualificação. Ou seja, você tem que ter mais do que somente qualificações para o jornalismo impresso;
2. Se você está para se formar, não cursou nada que se refira a jornalismo online, e a disciplina que você necessita para fechar seus créditos colide com "introdução ao jornalismo online", atrase sua formatura e se matricule na disciplina de online. Afinal - pergunta Mindy - você quer se graduar ou ter um emprego?
3.Você pode aprender hoje mesmo a fazer uma página web. Afinal, não é necessário aprender mais que 10 comandos (tags). Aprenda HTML e CSS gratuitamente.
4. Não pense em Flash, se você ainda não fez nada com slides e som. Baixe um demo gratuito do Soundslides e veja que narrativa você pode produzir com ele.
5.Todo jornalista pode aprender a coletar e editar áudio online. Aqui está um ponto de partida. Se você ainda não tem, compre um gravador digital com microfone externo. Faça o download do Audacity para edição de áudio.
Mindy recomenda também este site com ferramentas para o jornalista online.
Concordo com as idéias básicas de Mindy, menos com o ítem 2 dos conselhos. Pelo contrário, eu diria: Nem pense em atrasar sua formatura, por nenhuma razão deste mundo. Nem mesmo para incluir uma disciplina de jornalismo online, se você foi tão desastrado a ponto de não incluir essa área em seu elenco curricular.
Por que?
Por uma razão muito simples: uma única disciplina pouco vai contribuir para fazer de você um "jornalista online" e - ainda mais importante - se você quer realmente ser jornalista não há "formatura". Há, isso sim, uma vida de formação contínua, que não vai acabar nunca e que, em grande medida, independe das disciplinas que você faça ou não antes de se formar. Ao invés de atrasar sua formatura, curse a disciplina que falta para terminar seu curso e, paralelamente, inicie, em outro horário na faculdade, ou fora dela, um curso de jornalismo online. Será o primeiro de muitos que você deverá enfrentar ao longo de sua vida profissional, se quiser se manter atualizado.
Formação contínua é a regra de ouro que o graduando terá que interiorizar para ter chance de sucesso profissional. Aliás, isso é verdade hoje para qualquer profissão. Quem ainda está pensando em termos de "formatura"="emprego" está alimentando uma ilusão que o tempo e mercado rapidamente se encarregarão de desfazer.
marcos palacios

Marcadores: , , ,

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home