terça-feira, novembro 13, 2007

"O fim da publicidade como nós a conhecemos": quem diz isso é a IBM

Um estudo preparado pela IBM, que ouviu 2400 consumidores e 80 especialistas em publicidade, afirma que estamos assistindo ao "fim da publicidade como nós a conhecemos".
De acordo com o Relatório, os próximos cinco anos vão trazer mais mudanças à indústria publicitária do que os últimos 50.
Consumidores crescentemente "empoderados" (empowered), anunciantes mais auto-confiantes (self-reliant), e o contínuo aparecimento de novas tecnologias estão redefinindo como os anúncios publicitários são criados, vendidos e avaliados em sua eficácia.
Os atores tradicionais da indústria publicitária - canais de massa, distribuidores e agências de publicidade - podem acabar com espaços cada vez mais restritos, a não ser que tenham sucesso em implementar modelos de negócios redesenhados e renovados.
O Relatório apresenta cenários futuros em várias áreas da atividade publicitária, prevendo fortes crescimento na publicidade direcionada à Internet e celulares e outros aparelhos móveis. Os consumidores estão podendo controlar, cada vez mais, o que querem ver, com o que querem interagir, o que querem filtrar, em um mundo multi-canal.
Graças a tecnologias digitais aplicadas a espaços p2p (como YouTube, Crackle, Current TV, etc) e aos novos modelos de publicidade com lucros compartilhados (como Adware) estamos testemunhando uma situação em que conteúdos publicitários passaram a ser criados e colocados em circulação por amadores e semi-profissionais.
O Relatório completo, com gráficos e mapas visuais dos argumentos desenvolvidos, está disponível para download gratuito.
marcos palacios

Marcadores: , ,

2 Comments:

Blogger Rafael said...

Ótima dica!!
Procuro ficar antenado no mercado publicitário na internet, onde pretendo atuar cada vez mais. Esse blog é sempre uma boa fonte de notícias relacionadas.
abraços,
Rafael

8:25 AM  
Blogger GJOL said...

Obrigado pelo comentário e por prestigiar nosso blog com suas visitas.

marcos palacios

12:32 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home