quarta-feira, fevereiro 27, 2008

Links usados como moeda de troca dão autoridade ao blogueiro?

No processo de liderança na blogosfera, os links desempenham uma função fundamental. A distribuição de links gerou uma hierarquia em que os que mais linkados gozam de maior autoridade. O pesquisador italiano Giuseppe Granieri, autor do livro Blog Generation, diz que, a partir do desenvolvimento do Google, o link porta valor econômico, é "a moeda da web" e equivale a um voto no site que o recebe.

Estas relações econômicas ativam novas dinâmicas de visibilidade. Ao contrário do que ocorrera no início da web, quando o link chegou a ser considerado uma violação de direitos autorais, hoje equivale a um pagamento pelo acesso ao conteúdo do site linkado, determinando uma associação entre valor e conteúdo.

Vale ressaltar, no entanto, que a importância do link no blog serve para enviar o leitor em direções previamente avaliadas e valorizadas pelo blogger, portanto, realizam uma função de filtragem do conteúdo disponível, função esta pela qual o blogger é constantemente avaliado pelo seu público, e que constitui para ele mesmo forte diferencial em relação ao resto da blogosfera, diz o pesquisador do GJOL, André Holanda, em sua dissertação.

A partir dessas idéias e da valorização [econômica] do blogging, sugem novas práticas para o blogueiro ser refenciado na web. Não é raro encontrar blogueiros oferencendo troca de links, seja no blogroll ou mesmo em postagens. Também não é difícil encontrar ferramentas de trocas de links. Feevy é um desses serviços. O site é um tipo de comunidade de troca de links. Ao incorporar seu blog nesta ferramenta você começa a obter links dos outros membros que usam o sistema. Aqui, um exemplo de um blog que utiliza o serviço.

A troca de links não é bem vista por muitos blogueiros e pode produzir uma péssima reputação na blogosfera. Na minha opinião, a utilização desses expedientes não confere ao linkado uma “autoridade plena". Sem dúvida, ele ganhará visibilidade nos motores de buscas e, em alguns serviços especializados de ranking, será melhor avaliado. Isso não quer dizer que ele produzirá uma boa reputação no meio. E você, o que acha?

Alberto Marques

Marcadores: ,

1 Comments:

OpenID rafaelcampos said...

Acredito que ferramentas como o Feevy são válidas, uma vez que o usuário escolhe quem ele quer 'linkar' a partir de seus próprios critérios; se ele gosta do blog, por que não linkar e exibir o último post daquele blog? é diferente de sistemas de link farming, que é considerado spam, uma vez que o objetivo é apenas conseguir links e obter relevância nos mecanismos de busca, independente da qualidade do site linkado.

9:06 AM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home