sexta-feira, abril 18, 2008

Terrorismo, paranóia, fotografias e celulares

Robin Hamman, no Cybersoc , fala da paranóia que cresce em Londres em torno de pessoas tirando fotos, especialmente em lugares público "sensíveis", como estações de trens ou metrô, ou - pior - se estiverem fotografando equipamentos de segurança, como câmeras nas ruas. Essas pessoas podem ser terroristas fazendo um levantamento do terreno para um futuro ataque. Pelo menos é o que dizem os cartazes espalhados pela Metropolitan Police de Londres, que alerta também contra "a atitude suspeita de usar telefones celulares e em seguida retirar os cartões de memória" ou passá-los para outros aparelhos.
Uauuuu!

marcos palacios

Marcadores: , ,

1 Comments:

Anonymous Anônimo said...

Marcos,

Londres é uma das cidades do mundo que mais recebem turistas. A quantidade de gente fotografando pelas ruas é enorme.

Essa "cultura do dedo-duro" aí certamente vai levar a mal-entendidos divertidos. Só espero que não prendam o cara de camisa florida e bermuda...

abs
ALEC DUARTE
http://webmanario.wordpress.com/

5:16 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home