sábado, maio 10, 2008

Como chegar ao National Geographic depois de 30 milhões de visitas no YouTube



Deu no The New York Times.
Em setembro de 2004, David Budzinski, um turista texano, gravou uma extraordinária sequência em vídeo durante uma visita ao Kruger National Park, na África do Sul. Um pequeno bando de leões disputa com um crocodilo um filhote de búfalo, separado de uma manada. Os leões levam a melhor. No momento seguinte, os búfalos retornam e "salvam" o filhote.
Ao voltar para os Estados Unidos, Budzinski tentou vender seu vídeo, oferecendo-o para canais como National Geographic e Animal Planet, mas não houve interesse.
O que ele fez?
Colocou no YouTube.
Agora, 30 milhões de visitas e quase 30 mil comentários mais tarde, o National Geographic Channel resolveu comprar os direitos e está lançando amanhã (veja a chamada) um documentário de uma hora, desconstruindo o drama capturado por Budzinski.
Tudo isso diz muito sobre o que representa o YouTube hoje, sobre livre acesso, sobre copyright, sobre o momento de transição que estamos vivendo em termos de comunicação e informação.
No YouTube você pode ver uma versão com definição muito mais alta do que a que esteve em oferta até agora.
Se já viu, veja novamente, em melhor definição. Se ainda não viu, não sabe o que está perdendo!

marcos palacios

Marcadores: , , ,

1 Comments:

Blogger luis santos said...

os videos já não estão disponíveis...
abraço

7:46 AM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home