segunda-feira, novembro 24, 2008

Digitalização do jornal Última Hora já atinge 36 mil páginas

Fizemos uma visita ao projeto de digitalização de todos os exemplares do jornal Última Hora (Rio de Janeiro) sob guarda do Arquivo Público do Estado de São Paulo, que está em andamento desde o ano passado, garantindo disponibilização gratuita ao público pela Internet. Na primeira etapa do projeto foram digitalizadas 36 mil páginas correspondentes a 60 meses de jornal. O projeto tem como meta celebrar os 200 anos da imprensa brasileira, entregando ao País esse rico acervo preservado em formato eletrônico.
Criado e dirigido pelo jornalista Samuel Wainer, Última Hora foi o único jornal brasileiro a ser publicado simultaneamente em sete cidades: Rio de Janeiro, São Paulo, Niterói, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre e Recife. Apoiando os governos de Getúlio Vargas, Juscelino Kubitschek e Jango, articulou em suas páginas a discussão política e temas do fait divers e de forte apelo popular, como futebol, o cotidiano das cidades, movimento sindical, a criminalidade, rádio e cinema. O jornal foi fundado em junho de 1951 e circulou até 1971. Sua trajetória foi marcada pela inovação estética e temática, tendo sido um marco na história da imprensa brasileira.
marcos palacios

Marcadores: , , , , ,

3 Comments:

Blogger Alessandra Marques said...

Caros, permitam-me fazer uma sugestão de assunto para um post neste espaço. Jornalismo Participativo - Disfarce para burlar a legislação e a ética
http://www.observatoriodaimprensa.com.br/artigos.asp?cod=513IMQ003

um abraço

Alessandra Marques

1:12 PM  
Blogger Bruna said...

Nossa, achei muito interessante teu blog.
Sou estudante de jornalismo no Centro Universitário Feevale, e a professora Sandra Montardo me indicou seu blog!!

Parabéns, ganhou mais uma leitora!

Abraços.

3:28 PM  
Blogger GJOL said...

Bruna,
obrigado. Esperamos poder continuar corresponder...
Um abraço
marcos palacios

6:43 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home