sexta-feira, dezembro 05, 2008

The New York Times agrega notícias de outras fontes à sua home

The New York Times traz uma novidade: agregação de notícias em sua home. Lá na parte superior está uma caixa que diz "Try our EXTRA Home Page". Ao clicá-la, a home se transforma, acrescentando ao pé das notícias indicações de links para outras fontes na midiasfera e blogosfera.
Comentário de Mark Potts no Recovering Journalist: "Tradicionalistas vão choramingar que o Times está mandando os seus leitores para outras partes; mas ao invés disso ele está se apresentando como o guia dos leitores para o que de melhor está disponível em notícias do dia, ajudando os leitores que não têm tempo para perambular pela Web buscando outras fontes".
Potts acha que se trata de uma estratégia contra-intuitiva, mas o Drudge e outros já provaram que é uma estratégia poderosa. Para ele, longe de desvalorizar suas próprias notícias, ao reconhecer que existe bom jornalismo também em outras partes e mesmo direcionando seus leitores para essas alternativas, o NYT se reafirma como a autoridade noticiosa "em última instância".
As agregações acontecem nas principais notícias da home e os links são gerados automaticamente através do sistema Blogrunner, de propriedade do próprio NYT.

marcos palacios

Marcadores: , ,

2 Comments:

Anonymous Anônimo said...

O NYTimes começou a experimentar com o inter-relacionamento para sites concorrentes na seção "Political browser". E já anunciava que outros serviços semelhantes seriam lançados.
E esta deve ser mesmo uma tendência, como alguns pesquisadores já haviam indicado.

abs,
Suzana Barbosa

10:40 AM  
Blogger Gonzalo said...

Veo interesante esta cuestión del NYTimes, dado que si se atiende el pensamiento de Axel Bruns la blogosfera y otras redes colaborativas se diferenciaban de la midiaesfera por su condición de "librarians". Esta noción hace referencia a que los producers funcionaban como indicadores de contenidos. Considero que NYTimes está entrando en este proceso: indicar a sus lectores otras fuentes de interés externas a sus propios contenidos.Habrá que seguir de cerca este fenómeno si no se repite en otros grupos empresariales de noticias.

7:28 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home