segunda-feira, março 02, 2009

A Internet é um buraco negro que devora a História?

Um provocador artigo assinado por Eric Auchard, da Reuters, faz um alerta tenebroso: a Internet pode estar criando um buraco negro para futuros historiadores. Auchard assinala que "Web provou ser um receptáculo ineficiente para a preservação histórica, e boa parte do tesouro que ela abriga fica perdido em um labirinto de páginas de Web alteradas, links quebrados e sites eliminados". O artigo tem como ponto de partida a recente compra de um vasto arquivo de jornais pelo Google, para disponibilização no Google News Archive, numa operação que - paradoxalmente - acabou levando ao bloqueio de várias fontes, por questões de copyright e de formatação.
E Auchard desafia: "Tente recuperar links de escândalos antigos ou imagens inconvenientes na Web, por exemplo Enron, Parmalat ou outros nomes corporativos que entraram em colapso. A maior parte deles desapareceu, apesar dos esforços de sites como a Wikipedia ou Smoking Gun ou combinação de forças da blogosfera para a preservação da história".
O artigo completo pode ser lido na seção de Tecnologia do Estadão.

marcos palacios

Marcadores: , ,

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home