domingo, março 08, 2009

No centenário de Euclides da Cunha, Grupo Estado lança projeto convergente

Como parte das comemorações do centenário de Euclides da Cunha, o Estadão está produzindo uma série de reportagens e republicando o material que o próprio Euclides produziu, enquanto colaborador do jornal, que então se chamava Província de S. Paulo. O projeto envolve todos os veículos do Grupo Estado.
Euclides da Cunha é mais conhecido pelo seu livro "Os Sertões", no qual relata a luta contra o movimento messiânico do Conselheiro, no sertão da Bahia. Há muito mais a ser conhecido. "Traumatizado pela experiência de Canudos, Euclides combateu a ideia de o Brasil entrar em guerra com o Peru pela posse do que seria hoje uma parte do Estado do Acre. Condenou o envio de tropas à região, defendeu um acordo por via diplomática e acabou sendo incumbido pelo Barão do Rio Branco para chefiar a Comissão Brasileira de Reconhecimento do Alto Purus. Sua missão: fazer o levantamento cartográfico da região e determinar a nascente do rio que separa os dois países".
O Estadão online inicia sua homenagem ao centenário de Euclides com um especial multimídia, com foco em sua expedição amazônica.
"Ao refazer o mesmo trajeto 104 anos depois, Daniel Piza estabelecerá pontes entre passado e presente. “O que terá mudado desde a ida de Euclides? O que permanece igual? O que restou intacto? Encontraremos rastros da expedição?”, pergunta-se. Assessorados por pesquisadores e gente da região, repórter e fotógrafo já percorrem rios acreanos. Passarão pelo município de São Brás, onde o barco de Euclides naufragou, chegarão a Triunfo, localidade da primeira reunião da comissão bilateral, cruzarão a fronteira e finalmente alcançarão o Rio Cujar, na cabeceira do Purus. Há um século, Euclides e seu grupo atracaram em margens peruanas como náufragos. Estavam famintos, extenuados, tomados pela malária.
"A expedição poderá ser acompanhada em boletins pela Rádio Eldorado, notícias em tempo real no portal estadao.com.br e matérias no próprio jornal (caderno Vida&). Serão relatos colhidos no desenrolar da aventura, compondo um grande “diário de expedição”, depois transformado e ampliado em publicações especiais".
Farto material euclidiano está prometido, durante este ano, no Caderno de Cultura da edição impressa.
Em agosto, mês do centenário, o Grupo Estado prevê, como parte do projeto, a realização em São Paulo de um seminário internacional, com a participação de especialistas do Brasil e de fora.

marcos palacios

Marcadores: , , ,

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home