quarta-feira, abril 18, 2012

Site Agregador de Notícias ganha Prêmio Pulitzer



O Site Agregador de Notícias Huffington Post ganhou seu primeiro Prêmio Pulitzer nesta semana. A série Beyond The Battlefield, produzida pelo jornalista David Wood, foi congratulada na categoria Nacional Reporting. Em seu trabalho, Wood escreveu sobre militares que estiveram em campos de guerra no Afeganistão e Iraque. Suas fontes principais eram homens e mulheres que retornaram da guerra mutilidados e com sérias complicações de saúde física e psicológica.


The Huffington Post 

 O site Huffington Post foi criado há sete anos e é conhecido tanto por ser um agregador de notícias automatizado quanto por contar com a colaboração na produção de conteúdo de milhares de jornalistas e blogueiros. Além da versão original norte-americana, o Huffigton também tem versões para o Canadá, Reino Unido e França. Para este ano, está programado o lançamento de versões da Espanha (em parceria com o El País) e Brasil (poucas informações sobre parceirias foram divulgadas).

No mês passado, o Huffington foi personagem central de um artigo escrito por David Carr e publicado no The New York Times. No artigo, Carr propôs uma espécie de código de conduta para agregadores e citou casos e empresas para justificar sua tese de que “agregadores são como trombadinhas”. No dia seguinte à publicação da coluna, o Huffington Post se manifestou e refutou a teoria de Carr de que “agregadores são como batedores de carteira”. Segue um trecho da declaração publicada pelo Huffington:

"Nos últimos 28 dias, redirecionamos mais de 284.000 leitores para NYMag.com, devido às histórias que ‘linkamos’ em nossa página principal. No mesmo período, redirecionamos mais de 150.000 leitores ao The New Republic [...] Ambos os casos, e inúmeros outros, refletem um princípio fundamental do HuffPost: mesmo se tivéssemos um orçamento ilimitado para produzir conteúdo original ilimitado, nós ainda agregaríamos, pois nosso objetivo é orientar nossos leitores para as melhores histórias disponíveis – sejam elas criadas por nossos repórteres, editores e blogueiros, ou por outros."


Prêmio Pulitzer para publicações on-line

Este ano, duas mídias exclusivamente on-line receberam o Pulitzer. Além do Huffington Post, o site Politico obteve o reconhecimento na categoria Editorial Cartooning com os desenhos de Matt Wuerker. O Politico foi criado em 2007 por ex-jornalistas do Washington Post.

Esta é a segunda vez que um conteúdo não impresso é reconhecido com o Pulitzer. Em 2011, a organização independente de notícias ProPublica venceu na categoria National Reporting. No ano anterior, o mesmo ProPublica já havia recebido um Pulitzer na categoria Investigative Reporting. Porém, naquela ocasião, o conteúdo produzido pela organização foi publicada impressa em parceria com o The New York Times Magazine.

Distribuído desde 1917, o Prêmio Pulitzer passou a considerar publicações on-line a partir de 2008

Mais

Todos os vencedores do Prêmio Pulitzer 2012.
Entrevista em vídeo com David Wood, do Huffington Post.

por Vitor Torres

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home